Estratégia de saúde global eficaz e segura para combater a pandemia da COVID 19

Pesquisa

Redução da ligação viral ao receptor ACE2.

Este estudo estabelece as bases para estratégias de saúde pública eficazes e seguras, baseadas na ingestão ideal de micronutrientes. Ela permite que pessoas em todo o mundo participem ativamente na prevenção de infeções por coronavírus. Como tal, a estratégia de micronutrientes aqui apresentada expande muito as medidas de prevenção anteriores, como o uso de máscaras, distanciamento social e outros passos.

Comunicado de imprensa

Os cientistas do Dr. Rath Instituto de Pesquisa, liderados pela Dra. Alexandra Niedzwiecki, demonstraram pela primeira vez que uma combinação de micronutrientes específicos pode reduzir significativamente o número de receptores em células humanas que são necessários para que o corpo fique infetado com o coronavírus.

Petição

O livre acesso à saúde natural deve se tornar um direito humano!

  • Declarar o acesso irrestrito aos cuidados de saúde naturais baseados na ciência um direito humano inalienável para as gerações presentes e futuras;
  • promover os benefícios preventivos e terapêuticos à saúde dos micronutrientes em todos os níveis de pesquisa médica, educação sanitária e política de saúde pública;
  • Tornar a prevenção e eliminação de doenças uma prioridade da política de saúde nacional e internacional.

Vacinas genéticas

Os perigos de combater a corona com “vacinas genéticas

O risco incalculável das vacinas contra corona, que estão agora a ser introduzidas no corpo humano em todo o mundo por vírus portadores artificiais (adenovírus).

As seguintes informações não são escritas por adversários da vacinação. Vacinas sem efeitos secundários baseadas em proteínas (peptídeos) são formas inovadoras de combater doenças graves, tais como o cancro.

Meios de comunicação

Como a ciência desmistifica os preconceitos dos media contra as vitaminas e outros micronutrientes

Ocasionalmente, os meios de comunicação social relatam polémicas contra a suplementação de vitaminas e outros micronutrientes e causam incerteza em alguns. O padrão de tal desinformação é surpreendentemente semelhante.